3 Dicas Matadoras Para Conversar Com Sua Família Sobre Finanças

Tempo de leitura: 4 minutos

Sermão ou Dica?

Você quer saber como conversar com a sua família sobre finanças pessoais sem parecer ser um “sermão”?

Nesse artigo eu vou te contar como que eu faço para conversar com a minha esposa sobre nossas finanças pessoais sem parecer ser um Sermão ou acabar em discussão, até rimou né. kkk

Sermão

Quem não já tentou fazer aquela reunião para conversar sobre controle de orçamento da família mas nunca conseguiu terminar pois normalmente não conseguem chegar a um consenso?

Ou nem consegue começar porque a família sempre tem uma desculpa para não participar, porque no fundo eles acham muito chato.

Ou simplesmente a esposa ou esposo fala: “Faz esse mês que no mês que vem fazemos juntos” e esse mês que vem nunca chega.

Você deve estar pensando: nossa Renan isso é exatamente o que acontece aqui em casa, como você sabe disso?

Eu sei disso porque já aconteceu comigo e acontece com muitos dos meus clientes e sabe por que?

Porque normalmente quem decide fazer a reunião ou reunir a família já tem uma opinião formada e aí quando consegue reunir a família só quer dar “sermão”, tipo:

Young couple arguing

  • Vocês não podem mais deixar a luz do quarto acesa quando não tiver ninguém lá;
  • Vocês tem que desligar a televisão antes de dormir;
  • Feche a porta da geladeira;
  • Não demore no banho;
  • Só eu que me preocupo com nossas finanças…. e blá blá blá blá…

Isso acontece porque normalmente já está de saco cheio dos hábitos e falta de disciplina financeira por parte dos seus familiares, esposa, esposo e filhos.

Agora vou te contar um segredo mas não conta pra ninguém:

segredo

Isso era exatamente o que eu fazia com a Jaque, minha esposa, e ela ainda falava assim: “Amor pra você é fácil porque você gosta do assunto, eu não gosto, então faz aí”.

E levamos assim por algum tempo quando ainda éramos noivos, até que um dia veio um insight e me perguntei:

Por que só eu que faço?

O que eu posso fazer para conseguir a ajuda dela sem que seja uma reunião onde só eu que fale e ela só concorda ou aquela reunião que sempre acaba em divergências de opiniões?

A GRANDE SACADA

Comece reuniões sem formalizar que é uma reunião.

Comece com uma conversa como outra qualquer e fale sobre finanças naturalmente com sua família.A grande Sacada foi quando eu começava as reuniões sem formalizar que era uma reunião.

Era só uma conversa como outra qualquer, onde eu falava que tinha uma dica para podermos economizar ou nos planejarmos melhor e em seguida perguntava o que ela achava, simples assim.

SACADA MASTER

Comece com assuntos que desperte o interesse da sua família.

No meu caso foi o planejamento financeiro de uma viagem de férias, tanto a Jaque quanto eu adoramos viajar, aí dei uma dica para economizar em determinada área das nossas despesas para atingirmos o montante necessário para nossa viagem.

E sabe o que aconteceu?

Ela comprou a ideia e começou a propor outras dicas e muito relevantes, que nos ajudaram a economizar mensalmente e ainda conseguir o valor da viagem antes do prazo.

E desde então começamos a fazer nosso planejamento e controle financeiro juntos cada um dando dica para o outro, de forma natural, iniciando com uma conversa como outra qualquer.

Hoje já temos nossa reunião padrão onde conversamos sobre nossas metas financeiras e pessoais, porque já virou um costume, um hábito, aí fica mais fácil.

E o mais legal é que as vezes eu esqueço da reunião ou quero esquecer por preguiça, rsrsrs, e é ela que vem me lembrar e dizer:

– E aí vamos lá?

Isso me deixa muito energizado, você percebe que não está sozinho e isso faz toda a diferença, pode acreditar.

RELEMBRANDO AS 3 DICAS

Relembrando a sacada

  1. Não faça parecer ser um sermão, ou algo como uma obrigação, pois vai se tornar chato, dê dicas e veja a opinião da sua família.
  2. Converse com eles sem parecer uma reunião formal, não marque data nem horário comece como uma conversa como outra qualquer.
  3. Comece com assuntos que desperte interesse da sua família como: viagens, troca de carro, compra de casa, comemorações para datas especiais.

Aí você vai ver que as coisas vão fluir naturalmente.

Tem alguns clientes meus que dizem que eles não tinham um momento só do casal onde conversavam sobre finanças e após implantar a reunião para finanças da família eles conversam sobre outros assuntos e o relacionamento entre o casal ficou ainda melhor.

Viram que gratificante?

Agora aproveita e deixa um comentário aqui embaixo dizendo o que você achou dessas dicas e compartilha esse artigo com seus amigos.

Espero que tenha gostado dessas dicas.

Um grande abraço, muita Produtividade Financeira para você e sua família e até a próxima.

Renan Diego