Como Organizar As Finanças Pessoais De Um Empreendedor

Tempo de leitura: 5 minutos

Neste artigo eu vou te dar algumas dicas de como organizar as finanças pessoais de um empreendedor.

Se você está aqui lendo este artigo ou você é um empreendedor ou um aspirante a empreendedor.

Então Seja Bem-Vindo!

Todo empreendedor quer chegar ao sucesso, mas o caminho nem sempre é fácil.

O sucesso de um negócio depende muito da organização do empreendedor e do seu conhecimento sobre a sua área de atuação.

Um dos segredos para o sucesso é a organização financeira, se você cuidar bem do seu dinheiro já é meio caminho andado.

Não se iluda

Não Se Iluda - Produtividade Financeira

Se está achando que abrindo seu próprio negócio vai te ajudar a melhorar suas finanças pessoais se você já está endividado ou se você não tem o controle do seu dinheiro, porque não vai.

Muitos empreendedores cometem esse erro.

Eles acham que alguma coisa vai acontecer depois que eles abrirem o seu próprio negócio e as finanças deles vão mudar da água pro vinho ou como um passe de mágica, na vida real isso não acontece.

Antes de abrir um negócio próprio você precisa primeiro organizar a sua vida financeira pessoal.

Até mesmo para te dar mais tranquilidade para produzir mais e conseguir passar por momentos difíceis sem comprometer seus negócios e nem sua vida pessoal.

Não se preocupe se você já é um empreendedor ou está pensando em ser e ainda não tem suas finanças pessoais organizadas.

O que vou te mostrar aqui, serve tanto para quem está pensando em abrir um negócio quanto para quem já tem mas sabe que precisa organizar sua vida financeira para ter mais sucesso na sua jornada como empreendedor.

Então…

O primeiro passo para você organizar sua vida financeira é ter um controle do seu orçamento pessoal.

Controle de Orçamento

Controle de orçamento

Você precisa ter um controle do seu orçamento.

Para isso utilize uma planilha ou algum aplicativo, onde você anote todos os gastos mensais.

Todos mesmo, inclusive aquelas pequenas quantias que gastamos no dia a dia.

Com isso você fará um diagnóstico da sua vida financeira.

Você vai saber exatamente de onde vem e para onde está indo o seu dinheiro.

Depois você deve ter um orçamento equilibrado onde para iniciar, recomendo utilizar:

  • No máximo 60% da sua receita para pagamento das despesas fixas, variáveis e extras;
  • No mínimo 10% da sua receita para sua aposentadoria;
  • No mínimo 10% da sua receita para investimento de curto prazo; e
  • No máximo 20% da sua receita para o seu lazer e da sua família.

Se o seu orçamento estiver em desequilíbrio, ou seja, a diferença entre o que entra e o que sai for negativo, é sinal de que suas finanças não vão bem.

Aí você precisará reduzir algumas contas ou ganhar mais, o melhor é fazer as 2 coisas, rsrsrs.

Com o orçamento equilibrado o próximo passo é você montar um Colchão de Emergência.

Explico tudo que você precisa saber para montar uma reserva financeira neste artigo.

Conta pessoal x conta da empresa

CNPJ x CPF

A mistura dessas contas é um grande erro que empreendedores cometem na hora de se organizarem e organizarem suas empresas.

Nunca misture suas contas pessoais com as da sua empresa.

A mistura do dinheiro da sua empresa com o dinheiro pessoal, podem sim prejudicar o seu negócio.

Quando você mistura as 2 finanças, será muito difícil separar as contas e você não conseguirá entender o que aconteceu naquele mês.

Assim não saberá se você está conseguindo lucrar com o seu negócio.

Então use sempre contas bancárias separadas. 

Saiba separar o pessoal dos negócios, principalmente quando se tratar das finanças.

Abra uma conta corrente e tenha um cartão de crédito, se necessário for, exclusivamente para seu empreendimento.

Tenha uma conta bancária para empresa utilizando o cnpj e outra conta para você como pessoa física aberta com seu CPF.

Com isso você terá cartões de débito e crédito separados para as 2 contas, se assim achar necessário.

Isto facilitará o controle das contas a pagar e a receber, garantindo o total controle do seu fluxo de caixa da sua empresa.

Se você acha que vai ter mais custos tendo 2 contas, saiba que existem contas digitais para pessoas físicas que você não paga nenhuma tarifa. 

Estabeleça um salário para você – Pró-labore

Pró-labore

Outra dica que quero deixar para você é estabelecer um salário, o famoso pró-labore para você.

Ao invés de simplesmente usar o dinheiro do dia-a-dia para cobrir as despesas pessoais da sua casa, pague para você um salário de acordo com o tamanho da sua empresa.

Você decide de quanto em quanto tempo será o seu pagamento: mensal, a cada 2 semanas ou mesmo toda semana, depende do seu tipo de negócio. 

A Organização Financeira é o início do sucesso do empreendedor.

Aplicando todas essas dicas tenho certeza que tanto você quanto o seu empreendimento terão muito sucesso.

Então é isso vou ficando por aqui espero que você aplique todas as dicas que te mostrei ao longo deste artigo.

Aproveita e deixa um comentário aqui embaixo me dizendo o que achou do artigo.

E se precisar de ajuda pode me procurar que terei o maior prazer em te ajudar.

Lembrem-se que pessoas organizadas financeiramente tomam sempre decisões melhores.

Agora a decisão é sua.

Empreender é monetizar a sua paixão.

Um grande abraço muita Produtividade Financeira para você e para o seu negócio.

E nos vemos em breve.

Renan Diego